domingo, 5 de março de 2017

carruagem da mala-posta nº 7

Como tinha referido no anterior artigo, que iria dár inicio á construção do interior da carruagem, então comecei com o encosto do assento dianteiro, para testar as várias fases da construção com os materiais empregues, dei também mais alguns avanços na parte do supedâneo, suporte onde o condutor põe os pés, se bem que esta parte também só ficará terminada depois da cobertura concluída, aproveitando os dias bons , dei também uma camada de tinta nos paineis para testar a tonalidade ideal da cor, mais algumas fotos para melhor apreciação.

 pormenores da pintura dos paineis e portas, falta pintar a cor preta, mas como o preto não é preciso afinar a cor, fica para final.

 Pormenores da construção do supedâneo.

 ensaio da base do encosto do compartimento dianteiro, base do encosto feita em madeira de amieiro, já com os sulcos dos gomos terminada.
 aqui os materiais empregues na construção dos assentos, madeira, pele preta natural e linhas para os nós franceses e costura da pele. e esponja de 1 mm para forrar os assentos.
 inicio do estofamento do encosto
primeiro teste na construção dos nós franceses
 Aqui o encosto do assento dianteiro já concluído e ensaiado no sitio
 Na imagem inferior é possível ver como a esponja é cortada  e fixada no encosto do assento.